Todas as Categorias


Páginas

Como acertar na contratação de um croupier de casino

Os casinos são muito frequentes na Europa, especialmente em Portugal, o que atrai uma grande movimentação de pessoas, e consequentemente, de dinheiro. Mas não há lugar melhor para se encontrar esses locais do que na cidade de Las Vegas.

A "cidade do pecado" é famosa pelos seus grandes casinos e hotéis. Turistas ao redor do mundo aparecem constantemente para se aventurar neste intrigante mundo das apostas.

Para que exista um casino, muitas coisas são necessárias: mesas de jogos, roletas, slot machines, entre outras coisas. Mas há um elemento humano que é indispensável para que tudo aconteça da melhor forma possível, o croupier. O dono desta função é o responsável por controlar tudo o que acontece no jogo em que esteja inserido, ele participa ao dar as cartas, ao rodar a roleta e a recolher ou a pagar as apostas.

Esta profissão é absolutamente apaixonante e excitante para qualquer amante de jogos de casino o que atrai diversos homens e mulheres que nutrem a vontade de fazer deste o seu trabalho. Existem características que todo profissional dos jogos de casino deve ter para que seja contratado. São elas: 

1. Maioridade, o primeiro passo 

Primeiramente, o básico (mas não menos importante), deve ser rigorosamente inspecionado. Ter mais de 18 anos, um curso especializado na área, e um registo criminal limpo e atualizado é o começo para que se conquiste um profissional sério e competente.

2. Boa aptidão matemática

Um bom croupier de casino deve ter um raciocínio lógico excelente, pois é preciso ter a destreza de fazer contas mentais com rapidez e segurança.

3. Paciência para suportar a pressão

Ser paciente e saber agir sob pressão são características importantíssimas. O profissional passa horas seguidas em pé, e lida com os mais diferentes tipos de pessoas. Pode haver ocasiões em que um apostador esteja frustrado por perder demais, e por consequência disso, queira acreditar que o croupier está a prejudicá-lo de alguma forma. Um profissional de qualidade deve saber lidar com estes percalços. 

4. Muita paixão e interesse 

Como já foi dito, o amor pelos jogos é necessário num bom croupier de casino; além disso, é preciso conhecer cada um dos jogos nos quais vai atuar, pois as suas opiniões são frequentemente solicitadas pelos jogadores.

5. Discrição total

Esta é uma característica que deve ser constantemente cobrada pelos patrões. O croupier deve ser sempre muito discreto e não pode confraternizar com os apostadores. Além do mais, o seu vocabulário terá de ser restrito apenas ao necessário e indispensável.

6. Estar sempre atento

 Uma boa atitude a ser tomada para manter a atenção do empregado em alta é a de não o manter nas mesas de jogo por mais de duas horas seguidas. São aconselhados intervalos de 30 minutos.

A necessidade de ter um profissional sempre atento justifica-se pelo fato de ele ter o dever de observar tudo o que acontece durante uma aposta, e se certificar de que todas as regras estão a ser rigorosamente cumpridas. 

7. Um teste bem rigoroso

 Todo candidato precisa de passar por um bom teste matemático para avaliar as suas aptidões para o serviço. Todo o empenho e rigor nesta prova são bastante interessantes para o casino. Providências como estas certamente farão a diferença na hora de se fazer a escolha do melhor profissional.

Cada aspeto abordado é crucial, por isso sendo fielmente seguido, a contratação de um aspirante a croupier de casino de qualidade e profissionalismo, é dada como certa.




Sobre o Autor

Joana beatriz

Os casinos são muito frequentes na Europa, especialmente em Portugal, o que atrai uma grande movimentação de pessoas, e consequentemente, de dinheiro. Mas não há lugar melhor para se encontrar esses locais do que na cidade de Las Vegas.


Comentarios


Seja o primeiro a comentar:

Sua Resposta



Mais Vistos - Todas as Categorias